sexta-feira, abril 01, 2011

PISTOLEIRO CEARENSE CAPTURADO NO PARÁ

Criminoso é acusado de um ´rosário´ de mortes no Vale do Jaguaribe e execução de um bancário paraense - 

Um bandido acusado de diversos crimes de pistolagem na Região do Jaguaribe foi preso, pelo Departamento de Inteligência Policial (DIP) do Ceará, na cidade de Marabá, no Pará. Cleiton Lucena de Lima, conhecido como ´Carlos´, 30, que é natural de Morada Nova, tinha prisão preventiva em aberto e foi localizado numa operação que envolvia investigações de sequestros e assassinatos.


Há cerca de quatro anos, o acusado estava morando em Marabá, se escondendo da Polícia Cearense. "Estava, inclusive, usando um nome falso de Neto Rodrigues Saldanha", contou à Reportagem o delegado Francisco Crisóstomo, diretor do DIP, que foi com sua equipe a Marabá realizar a prisão de Cleiton. A prisão foi efetuada pelos inspetores Maurício Pinheiro, Loredo, Cristiano e Nilton.

Entre os crimes praticados pelo pistoleiro, estão a morte de um homem no dia 31 de março de 2001, em Morada Nova; o assassinato de ´Inácio da Catingueira´ também no bairro Varzantes, em Morada Nova, no dia 22 de abril de 2001 e o assassinato de José Orlando, primo da primeira vítima, em 2001 e também no Município de Morada Nova. Outro assassinato cuja autoria é atribuída a Cleiton é o de José Cleidimar Vieira, ocorrido em 24 de novembro do ano de 2002, às 23 horas, em uma casa de shows na BR-020. Na ocasião, Cleidimar - que era vaqueiro e tinha 29 anos - foi morto com 20 tiros, durante uma vaquejada. Segundo testemunhas relataram à Polícia na época, dois homens participaram do crime. A vítima foi atingida por disparos nas costas, na cabeça; no abdômen, no peito e no braço. "O parceiro de Cleiton neste crime foi o Regivan, pistoleiro natural de São João do Jaguaribe, que já morreu", revelou.

Investigações

Ainda de acordo com o diretor do DIP, Cleiton está sendo investigado por envolvimento em uma pistolagem na cidade de Itupiranga, no Pará. O crime ocorreu em agosto do ano passado e teve como vítima o ex-gerente do Banco do Brasil daquela cidade, Márcio Vinicius Aranha de Souza, 38.

O cadáver do gerente foi encontrado carbonizado no dia 7 de agosto do ano passado, na zona rural do município de Novo Repartimento, a 180Km de Marabá. Outro homicídio que está sendo atribuído a Cleiton aconteceu em Tabuleiro do Norte, há quatro meses. A vítima foi o também pistoleiro conhecido por ´Galego do Valdemar´.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O blog Amigos do Ronda estimula a sociedade a dar sua opinião sobre as ideias e propostas apresentadas. Porém, alguns critérios devem ser observados, sob pena de exclusão do comentário: 1.Os comentários que estejam fora de contexto serão desconsiderados. 2. Serão excluídos comentários que contenham injúrias a qualquer pessoa, incitação ou apologia à violência ou comentários repetidos, obscenos ou agressivos.